Posted por em 3 abr 2018

E Jesus, fixando neles o olhar lhes revelou: “Para o homem isso é impossível; todavia, não para o Senhor. Pois para Deus tudo é possível!”

Aqui eu gostaria de fazer uma pausa para refletir sobre o olhar de Jesus…

Eu fico sempre a imaginar como seria o olhar do Mestre. Há muitos momentos nos Evangelhos em que se menciona ter Jesus olhado antes de falar algo.

Quando há uma menção ao olhar, tenho parado um pouco nas reflexões e na leitura, fecho meus olhos e tento imaginar esse olhar.

O que vejo em mente é algo de profundo, manso, determinado, intenso, misericordioso, amoroso, sábio.

Se lhe fazem uma pergunta, creio que ele olha de forma misericordiosa e compassiva. Até mesmo, se for o caso, de forma benevolente. Só o olhar que ele dirige a seu interlocutor já traz uma resposta. Acrescenta depois um ensinamento àquele que ainda não conseguiu alcançar o sentido de suas palavras e da mensagem que nos trouxe para aprendizado.

Estudo sobre o tema “Amor e Renúncia” – palestra no Grupo Espírita Paulo de Tarso em maio de 2018

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *