Posted by on abr 29, 2015 in Abertura, Mensagens, Noticias | 6 comments

Maternidade

Sei que muitos se perguntam o que é esse sentimento que tanto envolve um Ser quando acolhe em seu ventre um outro Ser.

Eu não saberia responder a esta pergunta de uma forma racional, pois não é um sentimento que passa pela nossa razão é puramente emocional.

Sentimos em forma de dor, mas que não nos traz sofrimento.

Sentimos em forma de amor, mas não se expressa como paixão.

Sentimos em forma de paz interior, mas o exercício dessa relação está longe de nos proporcionar tranquilidade, ainda que depois de muitos anos, quando o pequeno Ser que surgiu em nosso ventre já nem esteja mais partilhando no mesmo espaço físico em que nos encontramos.

Sentimos um bem-estar diferente do de outras circunstâncias, ainda que, por vezes, sintamos inquietação, ansiedade, angústia, insegurança.

Sentimos algo que nos pode parecer loucura, ainda que seja precedido e acompanhado de lucidez, pois é um sentimento que, como disse antes, não é exatamente racional.

Sentimos necessidade de fazer o melhor, independente de que isso possa nos prejudicar, pois o nosso amor por este Ser é maior do que o amor que sentimos por nós mesmas.

É amor sacrifício

É amor doação

É amor em sua melhor expressão.

É verdade que nem todas as mães conseguem perceber a grandiosidade deste sentimento, é que elas ainda não acolheram no fundo da sua Alma a realidade desta oportunidade maravilhosa. Creio que ainda terão que passar por novos exercícios do acolher em seu ventre um Ser para amadurecer esse sentimento tão especial.

Ah! É preciso sejam registradas as mães em que o seu ventre tem outro nome, pois passam por todas as situações e emoções mencionadas, mas o seu ventre tem localização diferenciada em seu corpo. Nestas mulheres o seu ventre se chama coração.

Há também as mães que são ainda mais especiais, pois tanto acolhem Seres em seus ventres convencionais como também em seus ventres emocionais. São aquelas que dizem que alguns de seus filhos são nascidos da barriga e outros são nascidos do coração.

 

6 Comments

  1. 5-7-2015

    Linda mensagem, minha amiga. Desejo que você tenha um belo, feliz, alegre Dia das Mães.

  2. 5-7-2015

    Elda,
    Mensagem profunda e linda !
    Como não sou mãe, não posso aquilatar a profundidade do amor materno.
    Abraço fraterno !
    Bartolomeu

  3. 5-7-2015

    Lindo, Elda! Como mãe, concordo com você, e agradeço que você tenha posto em palavras tão simples e sábias coisas que às vezes não conseguimos expressar.
    Grande abraço,
    Marilia

  4. 5-10-2015

    Lindo Elda!
    Voce expressou muito bem o que esse ser chamado filho faz uma mãe sentir.
    Parabens e feliz dia das mães!
    Bjos
    Selma

  5. 5-12-2017

    Lindíssimo amiga!Com simplicidade, sem palavras rebuscadas expressou muito bem o que é o verdadeiro sentimento de uma mãe por seu filho! Só quem é mãe sabe avaliar o significado de cada palavra que você usou! Deus a abençõe e um Feliz Dia das Mães! Beijos, Regina.

  6. 5-14-2017

    Sem duvida o amor de mãe
    nos alavanca a marcha e nos põe a caminhar.

Leave a Comment

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *